domingo, 2 de março de 2008

Declaração de responsabilidades

Insisto na questão do Ministério e, no executivo e, em última instância, em Sócrates (um nome tão promissor e no entanto...). Que não se julgue que considero o estado de coisas da exclusiva responsabilidade da Ministra da Educação; esta é apenas o rosto de uma equipa, integrada numa política que se estende por quase todas as áreas. O ilustre Primeiro, que tenta passar incólume e de fininho, é pai das posturas autistas que assistimos desde que tivemos a infelicidade de o eleger e que se multiplicam como estilo de governação nos vários Ministérios.

2 comentários:

nefertiti disse...

este reino não me pertence : )

Anónimo disse...

Respeito!