sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Quanto maior é a crença, maior é a queda

(de Chagall)

"Creio no incrível, nas coisas assombrosas, na ocupação do mundo pelas rosas, creio que o amor tem asas de ouro. Ámen."

Natália Correia

5 comentários:

Woman Once a Bird disse...

Depende das rosas. A última rosa em que acreditei realmente revelou-se espinhosa.
O incrível e o assombro são-me condições necessárias.
Quanto ao amor, creio-lhe as asas mais semelhantes às de Ícaro. :)

jorge c. disse...

Bebe uns copos que é o que eu faço.

Su disse...

opsssss por isso faço pára pente.............faz tempo........... e mesmo assim andei em queda livre.............


jocas maradas

Táxi Pluvioso disse...

Agora vamos ser felizes com o nosso computador.

Aqui fica um exemplo de arte barata com a queda dos preços dos alimentos.

Gawain disse...

Também eu. Creio que o incrivel e no assombroso. Creio que tu ainda guardas uma rosa que te dei...dou.
Eu guardo as tuas no meu coração.