sábado, 8 de março de 2008

Governo porreiro, pá!

Um governo cujo Primeiro-ministro teve problemas com os seus diplomas e não se sabe bem quando, onde e como os angariou. Um governo que se auto – elogia. Um governo cuja ministra de educação ignora que o arquipélago dos Açores é território português. Um governo que não vê o fosso abismal que está a haver entre ricos e pobres. Um governo que perde tempo a discutir projectos megalómanos, como foi o caso da OTA. Um governo que gosta de se projectar com cimeiras que ninguém percebe bem para que servem. Um governo que só quer saber de estatística e sondagens, e ignora os problemas que ele próprio cria. Um governo pouco sensível ao drama dos nossos idosos. Um governo que ignora a criminalidade crescente. Um governo que quer combater a desertificação de certas zonas do país fechando centros de saúde. Um governo que aumenta a carga laboral, aumenta impostos e, acima de tudo, aumenta o baixo poder de compra. Um governo que não cria perspectivas futuras nos jovens. Um governo que vive às custas de todos nós e que se sente lesado e indignado com as contestações. Porreiro, pá!

1 comentário:

jorge c. disse...

Eh lá! Nunca a vi tão indignada!