terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

"I Have a Dream"

Um dia, (quase) todos os meus alunos ficarão igualmente entusiasmados com um excerto de um diálogo platónico. Confissões (que não as de Agostinho de Hipona - que recuso atribuir-lhe o epíteto de santo): Digamos que a Alegoria da Caverna não teve a recepção desejada.

5 comentários:

O pêssego....a nectarina foi dormir disse...

Se a Alegoria contivesse pêssegos...

Talvez se lhes venderes gotas de água ou raios (que os parta) de luz, eles cogitem a realidade com outras cores…

Sancho Gomes disse...

É horrível, tentar passar uma mensagem e, por falha nossa ou defeito deles, não conseguir... Não conheço maior sentimento de frustração...

Woman Once a Bird disse...

Nãos os quero fulminados. Só ligeiramente chamuscados. ;)

Mr. Lekker disse...

Experimenta substituir os prisioneiros por miúdas seminuas acorrentadas. Se não lhes chamar a atenção pelo menos faz o Platão dar umas quantas voltas na cova (ou no Hades, como preferires...)

Woman Once a Bird disse...

Francamente, Mr. Lekker! Uma recomendação dessas a uma feminista confessa.