sexta-feira, 25 de maio de 2007

Como é óbvio...

...Questionar a mercantilização do corpo feminino a retalho - corpo despido de Si, objecto, triplamente objecto - só pode ser fruto de uma enorme dor de cotovelo. Aliás, o que as feministas mais têm são cotovelos. E dores. E bigode também. Toda a gente sabe (falácia de quê? Ajude-me aqui Funes, que não m'alembro)! E geralmente também só gostam de outras gajas (sem bigodes e sem cotovelos). Estas feministas são umas doidas. E (in)conscientes. Gaja que é gaja SÓ é feminina. Ista, nunca. E eu que o diga, que desde que me afirmo feminista tenho uma data de cotovelos e duplo bigode (só me falta gostar de gajas).
(sim, é uma lullaby extraORDINÁRIA)

12 comentários:

nefertiti disse...

esta luta não me pertence : )), sou feminina e implico com a palavra feminista, acho que é mesmo por causa da palavra... assim como detesto a palavra machista. enfim... nada de acordo com "woman like a man"!

Sancho Gomes disse...

Nunca fiando!

Mas a sério, tens que ler a Badinter. Poderás ser surpreendida.

rps disse...

Só me ocorre:
Girls who are boys
Who like boys to be girls
Who do boys like theyre girls
Who do girls like theyre boys
Always should be someone you really love

cuscavel disse...

Sobre o assunto, muitas discussões se avistam; quanto à música - que desconhecia - gostei muito. Pena ser de um gajo - essa espécie de gente que o feminismo tenta aniquilar ;)

cuscavel disse...

ps - feminist soa bem melhor que feminista, realmente. Mas o que se há-de fazer? Quanto a compará-la a machismo, há, infelizmente, quem veja semelhanças não só ao pronunciá-la, como nefertiti. Outro dia, perante a questão "o que é ser feminista" alguém respondeu "é o feminino de machista".

Woman Once a Bird disse...

Eu também achei um bocado mau ser um gajo a compô-la e cantá-la. Enfim, deslizes.

RPS, se "atentares" na lírica, talvez te surpreendas com as implicações.

Eu não tenho pudor nenhum em afirmar-me feminista. A palavra "feminismo" ganhou carga pejorativa pelo que defende - não propriamente por comparação ao machismo. As mulheres aprenderam que a emancipação (a acontecer) deve fazer-se baixinho, sob pena de perder "o seu homem" - daí que o "feminino" por oposição ao "feminismo" seja o apanágio das meninas bem comportadas.

Ceridwen disse...

tens toda a razão... eu cá, estou com os cotovelos que nem posso!

nefertiti disse...

querida Woman, bem sabes que não faço tenções de ganhar homens, nem de perdê-lo : )) "A imagem da bem comportada" pode partir unicamente só de ti e não da pessoa em questão.

depois para pessoas que se auto-afirmam de feminista, eu acho que afirmação "Pena ser de um gajo" não me soa bem!

Woman Once a Bird disse...

Nefertiti:
Não acredito que tenhas levado tão a peito.
Acredito que a maior parte das alergias ao termo residem no que referi.
Quanto à frase em questão, é tão séria quanto dizer que tenho dois bigodes e múltiplos cotovelos. Achei que seria suficientemente claro.

nefertiti disse...

woman, eu simpatiso com as causas eos feitos feministas! conheço muita gente que o é mesmo sem saber!
agora, às vezes, tb falham no alvo!

cuscavel disse...

Nefertiti, é óbvio (ou talvez não tenha sido) que o feminismo não se faz contra os homens. Mas teres percebido que era a sério que se falava, só comprova que esse é um estereótipo das feministas, mesmo para pessoas com acesso à informação. Quanto ao machismo vs feminismo, ressalvo no comentário que tu NÃO és uma das pessoas que confunde o conceito. Muitas vezes lemos o que (não) queremos. :)

nefertiti disse...

sim, é provável que tenha havido um mal entendido. lamento, mas também acredito que é a falar que a gente se entende : ))
um abraço e boas cusquices; ))