terça-feira, 17 de outubro de 2006

Para Ti...

"Cada dia é mais evidente que partimos Sem nenhum regresso no que fomos, (...). Sophia de Mello Breyner Andresen



1 comentário:

his_tory disse...

O poema é lindo!
Neste caso, é a nossa existência em apenas duas linhas...
Depois as reticências, pelo tempo que nos resta, e o ponto final (pelo menos é assim que eu creio...).