sábado, 27 de agosto de 2011

O Direito é um mundo estranho

Rosie Hardy

O Direito é um mundo estranho. Subjuga e liberta, confina e abre horizontes, cria identidades e destrói-as. Não haverá talvez zona do seu discurso em que isto seja mais verdade do que a da formação de relações sociais de género, ou seja, produção normativa de hierarquias e propriedades nas posições e competências relativas de homens e mulheres.

Teresa Beleza in Clitemnestra por uma noite


2 comentários:

Funes, o memorioso disse...

«O Direito é um mundo estranho. Subjuga e liberta, confina e abre horizontes, cria identidades e destrói-as.»
Ora aqui está uma frase que não significa absolutamente nada. A segunda parte do discurso de Teresa Beleza está contaminada por esta primeira insignificância.

Woman Once a Bird disse...

Eu gostava que o Funes me explicasse porque estamos perante uma frase (mais uma) que não significa absolutamente nada...