domingo, 8 de março de 2009

"Babooshka"

8 comentários:

Funes, o memorioso disse...

É muito, muito, muito difícil imaginar cançoneta mais majestosamente odiosa e repugnante do que "Babooshka". Os trejeitos apalhaçados destas versão não a salvam.
Que eu me lembre, a única coisa pior do que isto era uma canção já não sei de quem (mas era um tipo muito conhecido) chamada "Nikkita". No videoclip aparecia uma miúda vestida com uma farda do exército vermelho da extinta URSS. Deve ter saído mais ou menso na mesma altura que esta Babooshka.
Desculpem, recordei-me da música. Tenho que ir vomitar...

Funes, o memorioso disse...

Acho que era do Elton John, a tal Nikita.

nefertiti disse...

oh, que chatice é uma prenda dia da mulher, que chatice! estou muito aborrecida com tais comentários. Tão tão tão tão bélica e arrojada esta "Babooshka"! Ninguém me compreende!
Para a próxima ponho a "Candle" de Elton John. Está decidido.

Lancelot disse...

Esta música é linda.

Ela era linda, antes das lágrimas e das rugas :-).

A voz doce e a letra belíssima, deixo para o Funes poder reconsiderar a sua opinião e nunca comparar Babooshka a Nikita.

Babooshka
She wanted to test her husband.
She knew exactly what to do:
A pseudonym to fool him.
She couldn't have made a worse move.

She sent him scented letters,
And he received them with a strange delight.
Just like his wife
But how she was before the tears,
And how she was before the years flew by,
And how she was when she was beautiful.
She signed the letter

"All yours,
Babooshka, Babooshka, Babooshka-ya-ya!
All yours,
Babooshka, Babooshka, Babooshka-ya-ya!"

She wanted to take it further,
So she arranged a place to go,
To see if he
Would fall for her incognito.
And when he laid eyes on her,
He got the feeling they had met before.
Uncanny how she
Reminds him of his little lady,
Capacity to give him all he needs,
Just like his wife before she freezed on him,
Just like his wife when she was beautiful.
He shouted out, "I'm

All yours,
Babooshka, Babooshka, Babooshka-ya-ya!
All yours,
Babooshka, Babooshka, Babooshka-ya-ya!
All yours,
Babooshka, Babooshka, Babooshka-ya-ya!"

Nefertiti disse...

Lancelot, assim não vale! : )) Fico completamente "desarmada".
Não o conheço, mas tenho a impressão que é uma excelente pessoa.

Kate Bush é (ou foi) majestosamente teatral!

Lancelot disse...

Nefertiti,

Obrigado.

Às vezes parece que nos conhecemos há muitos anos, verdade ?

É engraçado como as coisas funcionam nos blogs.

Um destes dias ainda nos encontramos sem saber.

Anónimo disse...

Concordo.
Sim, talvez.

abraço

nefertiti

zé luís disse...

Eu concordo com o Lancelot. Esta música é linda. A letra é muito bela. A Kate Bush tem umas quantas pérolas. A Running up that hill é certamente uma das minhas canções preferidas. Pena gostar muito de algumas canções dela, mas depois não ter grande interesse pelo resto. Uma das suas melhores músicas desconhecidas chama-se Under the ivy. Recomendo.