quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Livro de Cabeceira 1


Um início fabuloso, este, de Dickens.
(aqui).

3 comentários:

Funes, o memorioso disse...

Ufff!!
Depois do leve devaneio sobre as mulheres na tropa, em que parece que estamos essencialmente de acordo, voltámos à normalidade. Dickens é uma forma muito pouco razoável e inglória de dar cabo da pele dos braços.

Woman Once a Bird disse...

É um alívio, não é Funes?

rps disse...

Leio ali algures no braço "Guiné, Amor de Mãe"