domingo, 9 de dezembro de 2007

Solidariedade natalícia

Este blog, em solidariedade com Funes, RPS e (pasme-se) Nefertiti, propõe um abaixo assinado para que se crie uma zona livre de espírito (consumista) natalício. A bem da sanidade dos citados (acho que até ouvi a Nefertiti quase praguejar...).

12 comentários:

nefertiti disse...

Época esquizofrénica, psicadélica, sufocante, barulhenta, alucinante, enervante e… salve-se quem puder, porque o Natal é infernal o Natal é infernal…
Eu quero ficar bem longe do Natal.
Que loucura!

Rui Caetano disse...

O Natal é tão bonito. A correria natalicia até tem o seu interesse e o seu gostinho special.

rps disse...

Principal mente é necessária umazona livre de luzinhas e música alusiva à época.

Sancho Gomes disse...

Pois eu gosto do Natal. E gosto da azáfama consumista (gosto de oferecer prendas - e, logicamente, também de receber).
Gosta das luzes, das músicas nas ruas, das castanhas ao fim da tarde, enquanto andamos na correria das compras, gosto do vermelho do Pai Natal, gosto dos presépios, enfim...
É uma das épocas do ano que mais gosto!

Woman Once a Bird disse...

E dos cozinhados em excesso, e de tudo ao molhe e fé em... Deus, e dos peditórios anuais que salvam as consciências durante o resto do ano...

nefertiti disse...

esqueci-me da palavra excessiva.

Lueji disse...

Eu gosto e não gosto.
É verdade, tenho-me sentido dicotómica ultimamente.

Mr. Lekker disse...

Como muitíssimas coisas na vida, só conseguimos constatar o quão absurdo o frenesim natalício é depois de vivermos afastado do mesmo.

Funes, o memorioso disse...

Época esquizofrénica, psicadélica, sufocante, barulhenta, alucinante, enervante e… salve-se quem puder, porque o Natal é infernal o Natal é infernal…
Eu quero ficar bem longe do Natal.
Que loucura!

Woman Once a Bird disse...

Funes, esqueceu-se da palavra excessiva.

everything in its right place disse...

por falar em psicadélica excessiva, a criança cá de casa, a minha mãe, já anda doida com o Natal.

hoje perguntei-lhe como é que ela espera que o "menino Jesus" nasça naquele sítio que parece uma discoteca!

loooooooooooooooooooool

Woman Once a Bird disse...

Sinalização, Everything, sinalização. Para não proporcionar qualquer confusão à criança quanto ao destino-