domingo, 4 de março de 2007

Nem de propósito, Nefertiti...

Sobre ontem, encontro aqui uma chamada de atenção para este post. Também eu não me importaria de o ter escrito. E este também...

4 comentários:

nefertiti disse...

O importante é "Reconhecer, em igualdade, que somos diferentes"...

e vem mesmo a propósito, pois ontem experimentei o narguilé!

e, já agora, eu sou das que não "Adora gajos". Gosto de pessoas, das "minhas pessoas". Abomino gajos e gajas com complexos exacerbados de machos ou de fêmeas... que gostam de marcar território em tudo que é sítio com baboseiradas do século passado ou da era do paleolítico.

Amiga, eu, contrário de ti, eu ignoro, viro as costas, porque fico farta dessas burrices... não há pachorra ; ).
mas de facto há ainda muita desigualdade... Concordo contigo.

rps disse...

Eu sou machista, mas sou bonzinho.

nefertiti disse...

monsieur rps, basta ser apenas ser bonzinho : ))

nefertiti disse...

um "ser" não vale :))