domingo, 17 de dezembro de 2006

tempos de grandes apertos


Sorrisos forçados e cansados, movimentos acelerados, suspiros impacientes e o sistema informático desencontrado, meditativo… muito mesmo, por vezes, creio, no estado Zen.
É assim que se vive o grande momento no local onde trabalho. Balançados fazemos balanços.

A mim só me vinha à ideia o quadro famoso, e até reproduzi-o com expressões faciais e gestuais, em tom de brincadeira, quando uma colega/amiga saudou-me. Rimo-nos.

5 comentários:

Woman Once a Bird disse...

Mais um esforço...

everything in its right place disse...

eu só fico a pensar como seria o som do quadro...

Woman Once a Bird disse...

Sempre achei que seria silencioso...

everything in its right place disse...

então aí entramos na onda dos "gritos mudos".

Woman Once a Bird disse...

Nem mais. Mortos na garganta...